quarta-feira, 1 de abril de 2015

A Perseguição 1, 2 e 3

A Perseguição 1 - A Estada da Morte (2001)
Lewis está indo para outra cidade buscar sua amiga Venna, para que eles tenham uma aventura na estrada, porém no meio do caminho ele acaba indo buscar seu irmão que está saindo da cadeia após pagar sua pena. Fuller instala um rádio amador no carro de seu irmão e eles acabam se envolvendo com um motorista de caminhão solitário, que decide se vingar deles por terem se passado por uma mulher que não existia.
O filme de 2001 conta com um elenco bem famosinho hoje em dia, como Steve Zahn, Leelee Sobieski e nosso queridíssimo Paul Walker, dois anos de comer os filmes "Velozes e Furiosos". Filme é legal, mais suspense do que terror, mas tem uma história bem viciante, que prende quem assiste até o fim, acho que não fazem mais filmes nesse estilo, o que é uma pena.

A perseguição 2 - O Resgate (2008)
Quatro amigos viagem para Las Vegas, quando decidem pegar uma atalho, o carro deles acaba enguiçando os deixando na estrada. Eles chegam a uma casa aparentemente abandonada e encontram um carro, eles deixam o número de seus telefone para que o dono saiba que eles pegaram o carro somente emprestado, porém mal eles sabem que esse dono é um caminhoneiro maníaco.
Assim como o primeiro esse tem um desfecho bem interessante e assustador, porém no decorrer do filme as coisas vão muito além e acaba ficando meio confuso. Enfim não supera o primeiro.

A perseguição 3 - Correndo para a morte (2014)
Jovens corredores de rua pegam um atalho durante um teste de um carro, quando encontram um caminhoneiro, após uma brincadeira de mal gosto o caminhoneiro acaba tentando jogar eles para fora da estrada, sem sucesso. Mal eles sabem que ele vai incomodar muito eles ainda.
Pela primeira cena tive a impressão de que o filme seria igual aos outros porém melhorado, meio que arrumando o que os outros deixaram a desejar, só que infelizmente ficou na impressão mesmo. Após a primeira cena começa uma trama com um grupo automobilístico chato e massante, até sem sentindo em alguns momentos. Após três filmes não sabemos quem é o maníaco nem o por que dele aterrorizar as estrada, algo que frusta quem assiste.

beijos