quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Hoje eu vi "Para sempre Alice"

Alice é uma renomeada professora de universidade, escritora, bem casada e tem 3 filhos. Com o passar do tempo Alice nota que ela esquece palavras, não lembrar de lugares entre outros detalhes pequenos. Então ela decidi ir a um neurologista, onde ela acaba descobrindo que possui Mal de Alzheimer precoce.Como a Alzheimer é uma doença neuro-degenerativa aos poucos ela vai se esquecendo de coisas cada vez mais importantes.Quem conhece essa doença sabe que ela ocorre com  frequência em pessoas com mais de 60 anos porém o caso de Alice por ser precoce acaba se tornando mais rápida a evolução dos efeitos colaterais.
Filme tocante, drama daqueles realmente tristes, porque convenhamos uma doença neuro-degenerativa sem cura não tem um lado bom.A atuação da Juliane Moore é impressionante, mostrando vários estágios da evolução da doença, desde o pânico de não saber onde ela esta quando na verdade ela está na própria casa até o ponto em que ela acaba se esquecendo dos seus próprios filhos.
O filme é bom, mas prepara o lencinho porque da para chorar do início ao fim, por falar no fim eu acho que o filme acaba meio perdido, deixou a desejar, mas o filme não deixa de ser bom.
beijos